fbpx

Roupas de ciclistas femininas: benefícios e dicas de escolha

Largas ou apertadas? Curtas ou longas? Confortáveis e estilosas? Estampadas ou lisas? O que usar, por que usar e qual marca usar? Sim, o post de hoje é sobre roupas de ciclistas femininas.

Pensando no universo do ciclismo, muito se fala sobre roupas masculinas, mas quase nada se diz sobre as femininas. O que muitos não consideram é que o número de mulheres ciclistas cresceu exponencialmente em 147% nos últimos anos.

A indústria de confecção de roupas de ciclismo evoluiu e a transformação é bem nítida, nesse período, para as roupas de ciclismo masculinas, especialmente as nacionais. Mas como estão as roupas de ciclismo femininas? É isso que descobriremos no post de hoje.

A evolução das roupas de ciclismo femininas: uma volta ao passado

Contar a história da evolução das roupas de ciclismo é, ao mesmo tempo, contar a história da emancipação da mulher. Na década de 80/90, ciclistas pedalavam com o que havia de mais avançado: sapatilhas, óculos e capacetes, mas por outro lado, o mercado das roupas de ciclismo estava estagnado, o design estava preso em desenhos da moda da época.

Se para o universo masculino estava muito ruim, imagina para as ciclistas mulheres!

Elas eram obrigadas a utilizar roupas concebidas para os homens. Formato, cores e texturas – tudo para o ciclismo masculino.

Sem se importar muito com o bem estar da mulherada, há pouquíssimos anos, os fabricantes não faziam muita distinção de roupas, até a forração das peças tinham as mesmas anatomias.

Raramente uma bermuda, calça ou bretelle que era comercializado tinha um forro específico para a ergonomia do corpo feminino.

ciclista mulher pedalando na estrada em alta velocidade

Em 2013, começou uma grande revolução das mulheres do pedal e das roupas de ciclismo feminina. As mulheres não queriam mais utilizar roupas concebidas para o biótipo masculino, tão pouco ficarem desconfortáveis pedalando em cima das peças com forrações feitas para os homens.

O fato é que curtir a cidade pedalando, fazer uma trilha pesada ou andar forte com o pelotão, há tempos não é mais algo exclusivo dos homens. A mulherada chegou para ficar e embelezar o esporte.

Hoje em dia, no mercado de roupas de ciclismo femininas, encontramos bermudas com tamanhos diferentes, bretelles ajustados ao busto feminino, macaquinhos descolados e super confortáveis, camisetas acinturadas, shorts no comprimento ideal, manguitos e pernitos sem folgas, meias e polainas coloridas, corta vento de diversos tamanhos, luvas justas e calças skinny, tudo isso para melhor atender às necessidades da mulherada.

Com muito estilo, beleza e qualidade como elas pediram. E pouco importa se vão ficar sujas com o barro das trilhas ou com a fuligem das grandes cidades, as mulheres do pedal não têm mi-mi-mi não, tudo o que elas querem é o máximo de conforto na hora do pedal. Estamos mentindo?

Importância do uso de roupas de ciclismo durante o pedal

Tudo bem, já entendemos que as mulheres ganharam um grande espaço no universo da moda do ciclismo. Mas a pergunta que não quer calar: por que é importante usar uma roupa de ciclismo? É preciso mesmo usar aquelas roupas grudadas e marcadas, que tiram risadas de muitas pessoas quando estamos naquele pedal de domingo?

Bem, o fato é que todos os anos são desenvolvidas roupas mais leves e dinâmicas com alta tecnologia para aumentar ainda mais a performance das ciclistas durante as pedaladas. Em outras palavras, uma bermuda e uma camiseta de ciclismo não são uma bermuda e uma camiseta comuns.

Mas, em termos práticos, como uma roupa de ciclismo feminina pode melhorar ainda mais o seu desempenho? Bora conferir alguns benefícios a seguir:

Melhoria de conforto

Sabemos que até parece muito difícil de acreditar, mas temos que informá-las que, embora aparentem ser muito justas (e de fato são), as roupas de ciclismo não são desconfortáveis. Elas são feitas justamente para melhor se adaptar ao seu corpo sem que restem dobras e mais dobras de tecido.

E sabe por quê? Porque é preciso que você tenha garantia de flexibilidade e liberdade de movimentação para realizar o movimento de pedalada sem sofrer qualquer inconveniente. E é aí que entra a grande importância de uma roupa de ciclista feminina, visto que o seu conforto será proporcional ao ajuste anatômico da peça ao seu biotipo.

Aumento da segurança

Nem precisamos dizer que, na hora do pedal, capacetes, sinalizadores, luvas e óculos são extremamente importantes para garantir a sua proteção. Mas, além desses itens, as roupas de ciclismo são uma ferramenta de segurança e auto cuidado.

Confira nosso guia de acessórios para ciclistas iniciantes!

 

Principalmente se considerarmos aqueles pedais em que a pista é compartilhada com diversos veículos. Não à toa, a maioria das camisas de ciclismo já possuem faixa refletiva nas costas, justamente para elevar a sua visibilidade perante veículos automotores.

Então, fica tranquila que você não vai precisar usar um mix de cores e estampas para ser notada, claro, ao menos que queira.

Proteção contra os raios UVA e UVB

Essa com certeza é uma das maiores justificativas para se utilizar as roupas de ciclismo. Imagine você que, em uma tarde de domingo, resolva fazer um pedal, mas o sol está de rachar. Como é que você vai sair com uma camiseta sem qualquer proteção?!

É por isso que as roupas projetadas para o ciclismo são feitas justamente para te possibilitar a pedalar por horas e horas debaixo do sol, uma vez que possuem fator de proteção acoplado que tem como função bloquear os raios UVA e UVB.

camisa de ciclismo feminina azul manga longa

Dicas práticas para escolher uma roupa de ciclista feminina

Se você chegou até aqui, já deve ter entendido que o corpo feminino tem suas peculiaridades, o que deve ser considerado na hora de escolher uma roupa de ciclismo. Então, se pretende fazer uma compra e busca dicas efetivas, não vamos te deixar na mão, confere aí as nossas sugestões:

Camisas são essenciais

Você pode até optar por pedalar de top, mas, em dias de sol intenso, essa talvez não seja a opção mais assertiva, afinal, ninguém merece sofrer com uma insolação. Nesse sentido, a melhor opção seria uma camisa feminina de ciclismo, uma vez que elas já são projetadas com fator de proteção para garantir a sua saúde durante o pedal.

Já com faixas refletivas, cores chamativas e diversas estampas, as camisas de ciclismo para mulheres são perfeitas para garantir a sua segurança no trânsito, brilhando ainda mais com os faróis dos carros. Outro ponto interessante, é que as camisas de ciclismo contam ainda com três bolsinhos nas costas para que você possa guardar alguns pertences como chaves e barrinha de cereal.

E não estranhe, camisetas de ciclistas femininas são muito justas, ficando bem rentes à pele e aumentando a aerodinâmica. Mas é sempre importante que você tenha liberdade de movimentos, afinal, ciclismo é liberdade e não tem como ficar presa em uma camisa, não é mesmo?!

Bretelles são opções ideais

Lembrando um maiô, os bretelles são roupas únicas de ciclismo femininas. Eles podem ser substitutos das bermudas e, embora não sejam a peça de roupa mais agradável aos olhos, certamente, são bem mais confortáveis que uma bermuda, visto que mantêm-se muito ajustados ao corpo feminino devido às duas alças que a eles estão acopladas.

Na hora da escolha, é sempre importante considerar os seus gostos pessoais, mas, sobretudo, se a peça realmente vai te proporcionar o conforto que você busca durante as suas pedaladas.

 

Bermudas de ciclismo são indispensáveis

Bermudas de ciclismo feminina são indispensáveis para a qualidade de seu pedal, aliás, ousamos dizer que esse é um dos itens mais cruciais a se levar em conta na hora de adentrar o universo do ciclismo. Então se estava pensando em pegar aquele shortinho da academia, esquece!

Em linhas gerais, elas não se diferenciam muito das bermudas masculinas, visto que possuem o mesmo material. A grande diferença que carregam está em seu forro, que segue a anatomia do corpo feminino, justamente para não apertar demais ou folgar de menos.

Agora, vamos à pergunta que não quer calar: será que é preciso usar roupa íntima por baixo da bermuda de ciclismo? A resposta pode até soar estranha, mas, dependendo do modelo, não, não se deve usar nada por baixo. Isso porque há bermudas já construídas com um forro antitranspirante e que tem como função diminuir a possibilidade de assaduras que poderiam aparecer a partir do atrito.

duas mulheres e um homem pedalando

Melhores marcas de roupas de ciclismo femininas do mercado

Grandes marcas internacionais, como MFF, Frenesi, Safetti e Velocio já são referência no Brasil. Não duvide que essas marcas, em pouco tempo, se tornaram objetos de desejos das nossas ciclistas.

Marcas nacionais como AHAU Sports, ASW, Dunas Body Power e Free Force, também têm ganhado expressividade nos últimos anos no mercado de roupas de ciclismo feminina e inserem tecnologia internacional em seus produtos, mas com um detalhe muito importante: pesquisam e adaptam as tendências da moda internacional para o perfil e o gosto das mulheres brasileiras.

Essas marcas não deixam nada a desejar para os gringos em conforto e performance, e a qualidade premium faz toda diferença.

As peças têm o mesmo primor das roupas masculinas, e a AHAU Sports, por exemplo, introduziu no Brasil o conceito de Alfaiataria na construção de suas “armaduras” (como eles mesmos gostam de chamar sua resistentes peças), porém, não deixam de introduzir os detalhes que as mulheres gostam tanto, como cores, estampas e o visual urbano.

camisa feminina de ciclismo rosa ahau

O que percebemos é que as novas marcas nacionais de roupas de ciclismo feminina, na sua maioria, são pequenas empresas ou empreendedores individuais que vão se consolidando com muita criatividade e trabalho duro.

A falta de grandes recursos para investimentos é compensada com muita criatividade e paixão, mas acima de tudo, um profundo conhecimento de causa e um envolvimento realmente próximo do seu público alvo.

Um desses exemplos é a marca AHAU Sports, lançada em 2013, após um período de formatação que durou mais de quatro anos, ela recebeu o conceito AA na avaliação de entidades esportivas, como as Federações de Ciclismo Mineira e Carioca, Federação Brasileira de Triathlon, entre outras.

As peças são desenvolvidas com tecnologia e engenharia têxtil de classe mundial, confeccionadas com tecido 100% poliamida e elastano e a modelagem Fit acompanha a tendência das principais equipes europeias. Certamente é uma das pioneiras nessa transformação das roupas de ciclismo feminina.

Outro grande exemplo da evolução do mercado brasileiro é a Dunas, empresa que nasceu em 2011 e veio para inovar o mercado com seu estilo diferenciado, moderno e exclusivo, motivando as mulheres a desenvolver seu desempenho e trazendo a moda para dentro do ciclismo.

Às vezes nos perguntamos, onde isso vai parar?

Não vai parar! A menos que elas queiram, e a transformação das roupas de ciclismo feminina não tem mais freio. E nem deve ter.

modelo vestindo roupa de ciclismo preta com azul

Chegamos ao final de mais um post, diz aí nos comentários: o que você achou das nossas dicas? Aliás, se você é uma mulher que adora pedalar, não deixe de conhecer o nosso grupo de ciclismo e faça parte da nossa família!

Até a próxima.

 

Visite a loja da bikerunners! Temos tudo que você precisa para ser um ciclista. Comece a pedalar!
Anterior

Roupas ASW: conheça quais são as peças e suas especificações!

Tudo sobre treino regenerativo: o que é e como fazer de bike

Próximo