fbpx

4 dicas para escolher a bicicleta infantil ideal para seu filho

Toda criança conta os dias para ganhar a tão sonhada bicicleta. Esse é um dos presentes que entram para a lista dos mais desejados logo que os pequenos aprendem que existe a possibilidade de se aventurar sobre duas rodas.

Atualmente, as bikes competem diretamente com os equipamentos eletrônicos, games, tablets e celulares. Sendo assim, para os pais, optar pelas bicicletas infantis pode ser uma alternativa para tirar os filhos do mundo virtual, oferecendo possibilidades de atividades ao ar livre, que movimentam o corpo e estimulam a mente.

Pensando nesses fatores, é simples entender porque presentear seu filho com uma bicicleta é uma excelente opção. É super saudável incentivar o pedal desde as primeiras possibilidades, até porque ele ainda é capaz de ajudar a desenvolver a coordenação motora, auxilia a criança a fortalecer as noções de espaço e equilíbrio e ainda serve como diversão e meio de transporte.

Não dá para negar que, sendo uma atividade supervisionada pelos pais ou responsáveis, pedalar é seguro e agrega muitos benefícios. Entretanto, muitos pais ainda possuem dúvidas quanto às opções de bikes infantis, afinal, são tantas alternativas que escolher o modelo ideal pode ser uma tarefa um pouco difícil.

É por isso que a Bike Runners preparou algumas dicas para vocês, papai e mamãe, que querem comprar uma bicicleta infantil novinha para seu filho, e fazer isso da melhor maneira possível! Vamos conhecer todos os pontos que precisam ser levados em consideração? Continue a leitura desse post e entenda! 

Como escolher a bicicleta infantil correta para seu filho?

Separamos 4 dicas fundamentais para te ajudar na tarefa de escolher a melhor bike infantil para o seu pequeno. Veja, a seguir:

1- Antes de tudo, dê atenção ao tamanho da bike

bicicleta infantil aro 14

Comprar uma bicicleta grande demais pode causar uma experiência desconfortável, pode gerar dores e consequentemente, frustrar a criança e fazê-la se afastar dos pedais por muito tempo. O mesmo ocorre com bikes pequenas, que não permitem a mobilidade adequada e deixam tudo mais difícil.

É por isso que você precisa escolher a altura exata para a necessidade da sua criança. Pensar no tamanho do aro é essencial, faz parte do processo de compra da bike certa.

Esse tema não é novo aqui no blog, na verdade, já o abordamos outras vezes, em aspectos diferentes. Inclusive, se você quer saber como escolher o tamanho de aro exato para a idade, altura e peso do seu filho, leia nosso post “Saiba qual o aro de bicicleta infantil ideal para seu filho

2- Escolha modelos com bom custo-benefício

O fator financeiro é sempre aquele que leva os pais a pensarem duas vezes antes de comprar uma bicicleta infantil. Afinal de contas, crianças crescem rápido. Rápido demais. Assim, as chances de comprar uma bike que em pouco tempo estará inadequada para a criança, são grandes.

Por causa disso, escolher opções que estabeleçam uma boa relação de custo-benefício é essencial! Para isso, observe os materiais que compõem a bicicleta. Você irá perceber que, diferentemente do que acontece com bicicletas de adultos, as infantis são compostas de materiais menos resistentes, tornando-se mais baratas.

Isso acontece, justamente, porque as bikes infantis são projetadas para durarem menos. Por isso, faça o possível para escolher um modelo que seu filho irá aproveitar pelo maior tempo possível, sem fatores prejudiciais ao seu conforto e saúde.

Quando seu filho chegar ao aro 24, será hora de desacelerar e investir em uma bicicleta com muito mais qualidade, muito mais resistência e que atenda às preferências de estilo do seu filho, afinal, é bem provável que essa bicicleta fique com ele por mais tempo.

3- Entenda qual o momento certo para trocar de bicicleta

bicicleta sem pedal bike balance

Como afirmamos anteriormente, precisamos estar sempre atentos ao tamanho e regularidades da bicicleta, por isso, entender a hora certa de trocar é muito importante. Mas, antes que a troca a aconteça, com algumas medidas super simples será possível aumentar o tempo útil e seguro da bike.

Você deve manter o banco sempre em uma altura compatível, por exemplo. Bancos altos demais impedem que a criança coloque os pés no chão com tranquilidade e a obriga a ficar sempre levemente pendurada para conseguir pedalar. Mas, bancos baixos demais podem forçar seus joelhos contra o guidão. Ou seja, lembre-se de se atentar a essa situação.

Outros fatores, como as rodinhas, os freios ajustáveis e a inclinação do guidão também devem estar sempre bem alinhadas com a anatomia da criança, a fim de oferecer o máximo de conforto possível.

Porém, quando você perceber que já não há medidas preventivas que funcionem, chegou a hora de trocar a bike do seu filho por uma maior. Fazer isso é sempre uma festa para as crianças. Vale muito a pena!

4- Tenha a segurança como sua maior prioridade

Se você está prestes a escolher uma bicicleta para uma criança pequena, pensar em segurança, com certeza, já é uma prioridade. Uma bike com rodinhas de boa qualidade, por exemplo, deve estar no topo da lista de opções. Se a criança é maior, talvez já dispense o uso das rodinhas, mas equipar a bike com acessórios como campainha e buzina, por exemplo, pode ser uma boa opção.

Porém, há outros pontos que são essenciais em bikes de qualquer estilo e para qualquer idade. Afinal, seja em uma MTB, uma Speed ou até em uma Bike Urbana, a segurança deve ser priorizada. Para isso, lembre-se de sempre incentivar a criança a usar capacete para ciclista, e nunca se esqueça de que o exemplo é a maior lição – portanto, sempre esteja de capacete também.

Conheça os modelos da Bike Runners

Na loja da Bike Runners você encontra uma grande variedade de modelos, marcas e estilos de bicicletas infantis. Venha conhecer nossas opções e faça o simulador do Bike Fit para descobrir quais modelos são ideais para seu filho.

No próximo post vamos trazer outras dicas, sugestões e novidades do mundo do pedal. Acompanhe nosso blog e fique por dentro de tudo!

Até a próxima!

Previous

Roupas de ciclismo para pedalar na chuva: kit básico!

Pedal Anchieta 2019 – Como se preparar para a descida?

Next