fbpx

A bicicleta nas Olimpíadas de Tóquio

O ciclismo é um dos esportes disputados nos Jogos Olímpicos modernos desde a sua primeira edição. Após o adiamento no ano passado causado pela pandemia, o maior evento esportivo do planeta vem aí!

E a bicicleta é uma das estrelas nas Olimpíadas. Confira neste post quais as provas que contarão com nossa amada magrela.

Mountain Bike

O MTB é a modalidade mais querida pelos brasileiros. Nestes Jogos Olímpicos será disputada no Centro de Ciclismo de Montanha de Izu, nos dias 26 e 27 de junho.

A prova será no formato cross-country, com múltiplas voltas. O ciclista que completar todas as voltas e cruzar a linha de chegada em primeiro leva a medalha de ouro pra casa.

Nesta modalidade temos a principal esperança de medalha para o Brasil: Henrique Avancini.

Avancini é multicampeão brasileiro, sul-americano, já faturou título mundial e liderou em 2020 o ranking da modalidade. A cereja do bolo em sua carreira é o ouro olímpico. Fique de olho nele! Temos também como representantes brasileiros Luiz Cocuzzi e Jaqueline Mourão. Além do nosso Avança, os favoritos são os suiços e franceses.

BMX

O BMX será disputado no Parque de Desportos Urbanos de Ariake entre os dias 29 de junho e 01 de julho.

Além da disputa tradicional, o supercross, que consiste em baterias disputadas em pistas com obstáculos teremos a estreia do “BMX Estilo Livre”, que é feita em rampas e outros obstáculos, colocando toda a técnica dos atletas em jogo.

Nossos representantes no BMX em Tóquio serão Renato Rezende e Priscilla Stevaux. O favoritismo fica para os americanos e australianos.

Ciclismo de Pista

A modalidade mais clássica da história do ciclismo será disputada no Velódromo de Izu (localizado na província de Izu) entre os dias 02 e 08 de julho.

Basicamente a disputa se dá em um espaço apropriado chamado velódromo, uma pista artificial em formato oval, com curvas e retas inclinadas.

Esta modalidade é dividida em 6 categorias: Velocidade individual, Velocidade por equipes, Keirin, Madison, Omnium e Perseguição por equipes.

Os grandes favoritos são os atletas do Japão e Estados Unidos. Infelizmente não temos representantes brasileiros nesta disputa.

ciclismo olimpico

Ciclismo de Estrada

A prova será disputada no circuito Fuji Speedway com saída e chegada no Parque Musashinonomori, nos dias 24, 25 e 28 de junho.

Haverá disputa em formato contrarrelógio, onde quem realizar o percurso em menos tempo vence e a tradicional disputa por um percurso de mais de 200 quilômetros.

O ciclismo de estrada é muito equilibrado e é muito difícil apontar favoritos. Infelizmente não há representantes brasileiros nesta modalidade, pela primeira vez desde as Olimpíadas de 1980.

E olha só que legal, a Bike Runners possui produtos tudo a ver com as Olimpíadas, pra que você faça bonito em suas pedaladas assim como os maiores atletas do planeta!

As garrafinhas da marca Tacx são utilizadas por muitos ciclistas durante as provas.

Outras opções bem legais são as camisas de ciclismo temáticas.

Um modelo muito bacana e totalmente inspirado na jornada brasileira nos Jogos Olímpicos é o modelo “Brasil Olímpico” da marca Befast.

Outros modelos bem legais são levados ao ciclistas pelas marcas ERT, Scape e Woom.

A própria Bike Runners que investiu em um modelo igual ao dos campeões mundiais, nas cores preta e branca.

E aí, gostou de saber mais sobre a presença da bicicleta nos Jogos Olímpicos deste ano?

Vamos torcer pelos nossos atletas fazerem bonito e trazerem para nosso país nossa primeira medalha olímpica em duas rodas!

Até a próxima! 🙂

Visite a loja da bikerunners! Temos tudo que você precisa para ser um ciclista. Comece a pedalar!
Anterior

O que dar de presente para um pai ciclista

Meias de ciclismo: por que usar?

Próximo