fbpx

O melhor capacete para bike: saiba escolher o seu

Todos os equipamentos de segurança para ciclismo são essenciais e não podem ser ignorados. Luvas, lanternas e refletores realizam papéis insubstituíveis: evitam acidentes e minimizam danos.   

O capacete, porém, é o principal e mais necessário desses elementos. A prática do ciclismo envolve velocidades altas, e as possíveis quedas são capazes de gerar lesões graves na cabeça. A segurança deve ser o fator mais importante para qualquer atleta! 

Para garantir que o equipamento seja totalmente eficiente e te proteja dos impactos, deve possuir as características essenciais de segurança, estar no tamanho correto para sua cabeça e ser utilizado com devidos ajustes.

capacete para ciclismo destruído

No post de hoje, então, te ensinaremos a acertar em todas as etapas para pedalar protegido. Vem com a gente!

Conheça os diferentes modelos

Hoje, no mercado, os capacetes de ciclismo vêm em diversos designs e formatos. É possível, porém, dividi-los em três grandes grupos: os otimizados para mountain bike, os adaptados à modalidade speed e os capacetes mais tradicionais, muito usados por ciclistas urbanos ou de passeio. Conheça os tipos disponíveis:

Capacete para mountain bike

ciclistas com capacete para mountain bike

São reforçados, leves e ventilados, como qualquer capacete para ciclismo. Seu elemento diferencial é a viseira rígida e retangular que protege o rosto de galhos e folhagens, funcionando como um corta-mato. Assemelha-se aos capacetes de motociclismo, mais robustos e fechados.

Capacete para speed

ciclistas com capacete para bike speed

São ainda mais ventilados e leves que os modelos para mountain bike. Ao contrário dos capacetes apresentados anteriormente, não possuem a viseira: afinal, no speed não é necessário desafiar a vegetação. Seus recortes aerodinâmicos permitem que a cabeça fique ventilada, ao mesmo tempo em que diminui o arraste, aumentando a velocidade.

 Capacetes tradicionais

capacete redondo para ciclismo

Estes se parecem muito com aqueles utilizados pelos skatistas e patinadores: possuem formato arredondado, com recortes circulares. São estilosos, muito apreciados para uso urbano, porém menos leves e pouco ventilados em relação aos demais.

Escolha o tamanho certo

ilustração pessoa medindo cabeça

Fique atento: capacete tem tamanho, e só deve ser usado no tamanho correto! Se essa característica não estiver adequada, mesmo o melhor dos equipamentos não cumprirá seu papel, expondo o ciclista a riscos graves.

Todos os bons capacetes apresentam, na parte interior, um selo contendo o tamanho do equipamento, em centímetros. Meça a circunferência de sua cabeça no ponto correto (a fita deve passar por sobre as sobrancelhas e logo acima das orelhas) e compare com o valor indicado no selo.

Frequentemente, essa metragem vem assinalada pelos tamanhos PP, P, M, G e GG. Para saber qual é a categoria adequada para sua cabeça, oriente-se pela tabela:  

tabela de medidas de capacete

Ajuste o equipamento corretamente

capacete brave 352 vermelho preto ciclismo

Existem três regulagens importantes a se observar no momento de vestir o seu capacete. Novamente: lembre-se que um capacete mal colocado não protege corretamente!

Se bem posicionado e ajustado, o capacete não deve se mover, mesmo sob tração. Esse é um indicativo importante de que seu equipamento está bem afivelado ou não. Entenda como devem estar ajustadas as três tiras do seu capacete:

  • Existe uma fivela de ajuste nas tiras laterais, que deve ficar rente às orelhas, tocando-as.
  • O ajuste da nuca deve ficar apertado, de maneira que o capacete não caia mesmo quando aberto. Não aperte o suficiente para machucar: lembre-se de que vai usar o capacete durante certo tempo!
  • A fivela de fecho, aquela que fica abaixo do queixo, deve ficar justa sem que restrinja os movimentos da boca. Não é ela quem segura o capacete, mas sim todas as tiras juntas, se bem acertadas.

Você sabia? Informações importantes sobre seu capacete

capacete para ciclismo preto e laranja
  • Capacetes de ciclismo têm prazo de validade! São 5 anos a partir da data de fabricação. Fique atento.
  • Se seu capacete sofreu alguma queda, deve ser trocado! Muitos se perguntam a razão pela qual capacetes tão modernos e importantes são feitos de materiais relativamente frágeis, como o plástico e o isopor de alta densidade. Eles são construídos assim, pois são feitos para quebrar.
  • Exatamente isso! Os capacetes se quebram no lugar de sua cabeça, absorvendo e dissipando o impacto recebido, por isso são feitos de materiais leves, resistentes e macios. Troque sempre que necessário, e esteja ciente de que o equipamento pode estar quebrado mesmo que o dano não seja perceptível. 
  • Jamais pedale com equipamentos inadequados ao ciclismo. Existem capacetes que se parecem muito com equipamentos seguros, mas são praticamente decorativos. Para saber se o item é seguro, informe-se sobre a reputação da marca e procure pelas especificações do Inmetro.  

Já sabe qual capacete escolher? Acompanhe nosso blog e fique por dentro das nossas dicas de pedal.

Visite a loja da bikerunners! Temos tudo que você precisa para ser um ciclista. Comece a pedalar!
Anterior

Saiba escolher o melhor rolo de treino para bicicleta

Coronavírus – previna-se, vá de bike!

Próximo