fbpx

Manutenção de Bicicleta – Na Oficina ou em Casa?

Quando é chegada a hora de levar sua bike para uma revisão, você quer ficar assistindo o serviço por não acreditar muito na oficina? Quem já teve esse sentimento sabe o quanto é ruim.

Manutenção de bicicleta é coisa séria, e também é comum ouvirmos relatos de experiências ruins. A bicicleta saiu da oficina e continua com o mesmo problema, não solucionaram aquele incômodo barulho, o valor dos serviços ficaram bem maior do que o combinado, partes da bicicleta ficaram danificadas por uso de ferramentas inadequadas e etc.

Existem dois caminhos na hora de fazer a manutenção de bicicleta:
1- Procurar uma oficina
2- Fazer a própria manutenção

manutenção-bike

Manutenção em oficina

Se optar por fazer a manutenção de bicicleta em uma oficina, seguem os 10 sinais da qualidade:

  1. Organização
  2. Limpeza
  3. Certificados de conclusão de Cursos
  4. Boas ferramentas
  5. Luvas e aventais
  6. Credenciada de grandes marcas
  7. Computador na oficina
  8. Uso de Torquímetro
  9. Preços dos Serviços claros
  10. Solicitar aprovação antes de trocar peças

Manutenção em casa

Agora, se você optar em fazer a manutenção de bicicleta por conta própria, seguem 10 dicas muito importantes:

#1 – Não aperte demais parafusos frágeis

Parafusos pequenos não precisam de muita força. Uma chave de torque é a ferramenta ideal nesses casos

Muitos componentes são fabricados em alumínio e carbono, e pequenos parafusos Allen em titânio, desenvolva um toque sensível.

Manutenção de bicicleta por conta própria, equer um certo investimento, considere adquirir uma chave de torque compatível com os conectores Torx e Allen; 10Nm e 5Nm, o que geralmente é a faixa de torque recomendada para canotes e caixas de direção.

Lubrifique roscas e as bases dos parafusos, incluindo os dois lados das arruelas. Em configurações de parafusos duplos, aperte cada um deles gradualmente, segurando a ferramenta com as pontas dos dedos.

Opte por ferramentas de cabo curto e nunca use uma extensão de cabo ou pegue uma chave Allen cheia de pontas, porque as coisas vão quebrar.

#2 –  Aperte a caixa de direção corretamente

aperto caixa de direção bikeCaixa de direção solta afetará o uso da sua bicicleta

Fundamental na manutenção de bicicleta, aprenda como a caixa de direção funciona. Nunca aperte a tampa superior sem afrouxar os parafusos da haste, porque você simplesmente danificará a tampa e o plug expansor localizado dentro do tubo da direção, expansor sairá do topo do tubo e impedirá o ajuste posterior.

Se este for o caso, reposicione o expansor e certifique-se de que a parte superior da haste se projete cerca de 5 mm acima da borda do direcionador.

Coloque a tampa no topo e aperte moderadamente o parafuso, como na foto. O movimento deve ficar livre, sem nenhum jogo de rolamento.

#3 – Alinhamento de rodas

alinhamento rodas bikaAlinhamento não se trata apenas de apertar os raios

Não precisa se tonar um expert em alinhamento de rodas, mas um erro comum na manutenção de bicicleta, é tentar ajustar uma roda sem entender completamente o processo e as consequências.

O primeiro ponto será remover qualquer movimento lateral.

O impacto dos niples dos raios não apertados, tem aproximadamente duas vezes o efeito lateral da unidade da roda. Assim, para manter a tensão dos raios, divida qualquer ajuste lateral apertando um pouco de um lado, enquanto solta do outro lado.

Se você está deformando os niples, você foi longe demais.

#4 – Não ignore os limites de desgaste dos aros

desgaste aros bikeSempre verifique o desgaste dos aros

Ignorar os limites de desgaste das rodas na manutenção de bicicleta, se você estiver usando freios de aro, poderá ser literalmente fatal.

Muitos fabricantes de aro fornecem algum tipo de medidor de desgaste – um sulco raso que corre ao longo da circunferência da superfície de frenagem ou pequenos furos rasos perfurados em locais estratégicos, geralmente indicados com um adesivo. Encontre esses marcadores e inspecione-os regularmente.

Outra pista é uma superfície de frenagem côncava. Se não houver indicadores de desgaste, meça a espessura da parede do aro com uma régua. Qualquer coisa abaixo de 1 mm, deve ser substituída.

#5 – Sempre use luvas de proteção

manutencao pedal bikes                                         Nunca solte os pedais na direção da coroa

Não ceda à pressão de apressar as coisas, manutenção de bicicleta requer tempo e concentração.

Ao apertar e afrouxar qualquer tipo de rosca, esteja ciente de onde você posicionou suas mãos e que suas articulações podem se chocar se a ferramenta se soltar de repente.

Com um parafuso de manivela ou pedal apertado, como na foto, sempre coloque a corrente na coroa maior para cobrir os dentes.

Tente sempre posicionar seu corpo para que você puxe em sua direção, em vez de empurrar com o peso do corpo.

#6 – Canote do selim

canote lubrificacao                                     Mantenha sempre o canote do selim lubrificado

Não deixe seu canote na bicicleta para sempre (significa de três a seis meses).

Um canote emperrado impossibilitará a troca da altura do selim. Mesmo que tenha sido lubrificado, com o tempo, a graxa se romperá e, eventualmente, permitirá a oxidação, pois é praticamente impossível impedir a entrada de umidade.

Não apenas os canotes em metal oxidam, os de carbono também sofrem ações oxidantes.

Uma quantidade generosa de graxa deve ser aplicada às áreas de contato.

#7 – Não coloque pedais a seco ou muito apertado

 

pedal bike lubrificado                          Certifique-se de que os seus pedais estejam lubrificados antes de instalar

Importante item na manutenção de bicicleta, instalar pedais secos certamente causará transtornos quando você quiser removê-los.

Apertar demais provavelmente significará uma visita na oficina e cerca de R$ 50,00 ou mais, pois a manivela terá que ser removida e presa em um torno para obter uma fixação segura..

Além disso, uma vez que a corrosão tenha se estabilizado nas roscas do pedal, essas roscas podem se tornar frágeis e se desintegrarem quando o pedal for removido. Portanto, muita graxa, uma arruela de proteção quando necessário e aperte firmemente, sem exagerar.

#8 – Pressão dos pneus

pressao pneu bike                                     Verifique a pressão antes de cada viagem

Esse é o item básico na manutenção de bicicleta, e saiba que alguns tipos de pneus com paredes mais finas podem perder entre 5 e 20 psi por dia.

Use uma boa bomba com um medidor para obter a inflação correta e, em seguida, aprenda a identificar quando tiver alcançado a pressão correta, pois provavelmente, usarás uma bomba sem marcador quando estiver girando por aí.

#9 – Não ande com suas rodas soltas

aperto rodas bike                   Certifique-se de verificar seus engates de liberação rápida para garantir o aperto correto

Bloqueie os quick-releases antes de cada pedalada e evite dores de cabeça.

Um erro comum é tratar o engate rápido como uma porca de orelhas ao enrolar a alavanca.

Para tornar as coisas mais confusas, algumas supensões e travas anti-roubo, usam esse método para fixar a roda no garfo. Use esse método apenas para essas marcas específicas.

Ajuste a porca para permitir que a alavanca fique firmemente na posição fechada.

#10 – Não ande com uma corrente mal instalada

elos corrente bike                                          Desconfie dos elos danificados

Esse é um item altamente preventivo na manutenção de bicicleta. Muitos fabricantes, bem como mecânicos domésticos, danificam a corrente e mesmo assim as instalam com a falsa esperança de que ela se sustente durante algum tempo. A maioria das correntes não suportam nada além de seu uso normal durante suas curtas vidas.

Qualquer dano, como mostrado acima, poderá levar a uma falha catastrófica.

Siga as instruções de um mecânico experiente e considere o uso de um link de junção compatível, disponível para a maioria das correntes.

O desgaste da corrente pode levar ao desgaste precoce das coroas dentadas, portanto, use uma ferramenta de medição de corrente para verificar periodicamente ou substitua a cada 2.500 quilômetros.

Gostou desse conteúdo? Comente e compartilhe com seus amigos.

Assine nossa Newsletter ou siga-nos pelas Redes Sociais e fique por dentro das novidades do BR Ciclismo.

Grandes Pedaladas para nós.

Elaboração, edição e tradução: Jefferson Neves e equipe BR Ciclismo
Previous

Guia de Acessórios para Ciclistas Iniciantes

Como Contratar um Seguro de Bicicleta?

Next